sexta-feira, 6 de julho de 2018

Os Miseráveis - Victor Hugo

     Lançado em 1862, o livro conta a história de Jean Valjean, que por ter roubado um pão, para que seus sobrinhos não morressem de fome, é condenado a cinco anos de trabalhos forçados nas galés (tornando-se o prisioneiro 24.601). Pena esta aumentada a cada tentativa de fuga, chegando a dezenove anos. Ao sair da prisão, ele conhece o Bispo de Digne, que terá um papel decisivo na vida deste grilheta. Esta é apenas uma pequena introdução de uma longa história que mostra diferentes facetas da vida humana onde Jean Valjean não é o único protagonista. Somos apresentados a outros personagens, inclusive alguns que dão nome aos volumes que compõem a obra. Fantine, Javert, Cosette, Thénardier, Marius, Éponine, D. Bienvenu, Gavroche, Enjolras. Estas vidas se entrelaçam ao longo da trama, atraídas por um destino que insiste em uni-las das mais diversas formas. 
     O romance nos conduz por dois tipos de miséria. 
     A miséria material, pobres cada vez mais pobres postos à margem de tudo, que sonham e lutam por um futuro melhor a cada dia. A indiferença por parte dos mais abastados que os humilha e julga sem a mínima piedade. 
     A miséria moral - que acredito ser o principal tema - nos traz alguma perguntas. Até onde uma pessoa é capaz de ir? Por necessidade, por maldade, por amor! Será que tudo se justifica? Será possível alguém se reerguer das sombras e viver uma vida plena? Qual é a verdadeira justiça? Talvez você encontre algumas respostas refletindo ao longo da leitura. O autoaprimoramento é a revolução mais difícil de propor, e uma vez proposta, a luta é árdua, e a vitória(apesar de às vezes não parecer) é absolutamente possível.

     Falando em revolução... é preciso esclarecer uma pequena questão aqui: o período histórico em que se passa o livro é entre a Batalha de Waterloo em 1815(Napoleão, lembra?) e as Barricadas de 1832(que na verdade é uma insurreição). Victor Hugo presenciou todo o período, inclusive a Revolução de 1848, que instaurou o Segunda República na França. Não vou me estender aqui sobre isto uma vez que a história é longa. Porém, se você quiser saber direitinho o contexto, acesse este link https://youtu.be/wAxMWsZJ7K0 do canal da Vevs Valadares, ela explica tudinho de maneira rápida e simples.
     A única ressalva que tenho é quanto às digressões que são muuuuitas!! Ajudam a se situar? Sim ajudam! Porém em certos momentos fiquei pensando se algumas seriam tão necessárias assim... 
     Mas não desanimem por isso. O livro é grande, mas vale cada página!! 
     Recomendadíssimo!!!

     Vou deixar aqui embaixo algumas ilustrações feitas por Émile Bayard, que estão na primeira edição de 1862. Ele ilustrou outras obras também, mas o retrato de Cosette na estalagem dos Thénardier foi a que lhe rendeu fama. Também tem um link onde poderão conferir todas as ilustrações: https://www.mtholyoke.edu/courses/rschwart/hist255s13/images/illustrations/page/image1.html

     Boas leituras!



  
 

domingo, 3 de junho de 2018

O Ano Em Que Disse Sim - Shonda Rhimes

     Para quem não conhece, a autora é a criadora e produtora executiva das séries Grey's Anatomy, Scandal e Private Practice e produtora executiva de How to Get Away with Murder. Se você já assistiu a alguma destas séries, sabe que talento não é o problema aqui. Apesar disto, Shonda era uma pessoa reclusa, e entrava em pânico à menor chance de "ser vista".
      Um dia porém, ela toma consciência do problema e decide dizer sim a todas as situações desafiadoras em sua vida. Uma a uma, as oportunidades vão surgindo, e dificuldades são superadas. Afinal, nada era tão difícil como parecia, nenhum problema era tão grande...

      Li este livro por achar a proposta interessante. Quantas vezes na vida precisamos dizer sim, mas não dizemos por medo. Medo de não dar conta, medo do que vão pensar de nós, medo de descobrir quem somos de verdade?

      Medo de ser feliz. 

      Para a autora o "Ano do Sim", como ela chamou, provocou uma revolução em sua vida. Hoje ela se considera uma mulher mais completa e feliz. 

     Não se preocupe, não é um livro chato de autoajuda. É uma experiência pessoal que deu muito certo, escrita de forma leve e engraçada. Então, sim à ler este livro!!😊😉

     Boas leituras!!





quarta-feira, 2 de maio de 2018

Lendas São Joanenses... Um Presente do Passado - Márcia Paschoallin

    Quem aí já teve a curiosidade de saber sobre lendas contadas na sua cidade? Principalmente nas cidades históricas, que costumam ser povoadas de "causos", por assim dizer, sobre acontecimentos estranhos, sendo mais populares aqueles em que há algum fantasma envolvido(Ouro Preto que o diga!).
    Pois bem! Neste novo livro da autora, somos conduzidos em um tour pela cidade de São João del-Rei, através de igrejas e construções antigas, onde conhecemos um pouco da história do lugar.
    Tranquilo não é?
    Mas aí vão alguns avisos: o passeio é à noite, e durante essas andanças, você pode conhecer algumas "figuras" bem peculiares contando umas histórias bem estranhas... Do tipo que dá arrepios na nuca, sabe? 😱👻
    Enfim, para os corajosos e também para os medrosos de plantão, recomendo este livro. Li em poucas horas, a leitura é bem tranquila, e não se preocupe, também vai te fazer rir, juro!(Desta vez não é mentira pura!!😉)

     Boas leituras!!


O tour noturno que conta as histórias da cidade citadas no livro ocorre de verdade. Realizado pela equipe do Lendas São Joanenses.😉




sexta-feira, 27 de abril de 2018

Nova Jaguaruara - Mauro Lopes


       Uma equipe de cientistas chega a Nova Jaguaruara para verificar as condições locais para instalarem parques de energia eólica no litoral. 
       Em uma cidadezinha no interior do Ceará, nasce uma criança, um menino. No momento de seu nascimento, os moradores ficam em êxtase, sentindo um arrebatamento de pura bênção e sincronicidade em suas vidas. 
       Em outra cidade, também no Ceará, uma professora tenta ajudar um aluno com problemas.
       Estas três histórias nos conduzem ao longo do livro, em uma trama sobrenatural. 
       Quando as luzes de Nova Jaguaruara se apagarem à meia-noite em ponto, durante um minuto, esteja atento! E lembre-se: de jeito nenhum se aproxime da velha igreja abandonada que fica na estrada que vai para o litoral. Entrar lá então, nem pensar! Você pode não voltar...

       Leitura empolgante, a atmosfera de suspense nos introduz no clima da história aos poucos. Algumas cenas podem fazer com que alguns dêem uma olhadinha por cima do ombro, só para garantir... Cada capítulo termina com uma sensação de "mas e agora?!", fazendo com que a curiosidade vença com aquela frase: "só mais um capítulo...". Como é um livro curtinho, rapidinho terminei.
       Livro de um autor brasileiro, onde encontramos elementos bem característicos das crenças populares, principalmente de cidades do interior quando o assunto são histórias de fantasmas. 
       Recomendo muito!

       Boas leituras!



domingo, 15 de abril de 2018

A Guia - Évany Cristina Campos

     Mariana Holles acaba de vencer uma corrida de naves levando-a ao estrelato. Quando sai com amigos para comemorar, se depara com Lionel, adversário de corrida com quem mantém uma relação de implicância mútua. Quando saem juntos do bar, são testemunhas de um estranho acontecimento. Um mundo totalmente novo se descortina para eles, e se veem envolvidos em algo maior que suas vidas.
     Fantasia, ação, romance são alguns dos elementos combinados deste livro que, com uma linguagem simples e tranquila nos transporta para um mundo diferente.

     Senti falta de algumas explicações, principalmente para saber mais sobre os personagens e a dinâmica deste universo... Mas quem sabe este não será o primeiro volume de uma série? Fica a dica para a autora, cujo livro de estréia mostrou que tem talento para a escrita e promete boas histórias em futuras incursões pelo mundo das palavras.
     Aos leitores que gostam de histórias assim, com elementos de fantasia vão gostar desta obra. Aos que não tem costume de se aventurar pelo gênero, vale a pena dar uma chance.

     Recomendo este livro a vocês!!

     Boas leituras!!

      Saudações 😉




domingo, 18 de março de 2018

A Queda - Marcelo Pereira Rodrigues

    Qual é o sentido da vida para você?

    Com esta pergunta abrem-se as várias discussões que este livro propõe. 

    No lançamento do livro do professor Gregório, somos apresentados a alguns dos principais personagens da trama. Tipos, eu diria, peculiares. Pessoas comuns, cujas características são encontradas por aí em vários níves de intensidade(sim, encontrei algumas em mim também!). 

    Com alfinetadas a cada capítulo(elas podem incomodar), surgem as perguntas que nos fazem pensar... A análise da sociedade como um todo é inevitável através das vidas expostas na trama. Como as coisas podem ser desta forma? Onde vamos parar desse jeito?!
Talvez sejam necessárias algumas quedas. Começando com a mais importante e talvez a mais difícil: o "cair em si", saindo do pensamento comum, e começando a pensar com a própria cabeça. 

    Recomendo a vocês a leitura deste livro!!
    Um romance filosófico de leitura fluida, que de uma maneira simples e direta debate temas corriqueiros mas necessários, primando pelo respeito às opiniões e ao mesmo tempo nos sugerindo um novo ponto de vista para reflexão.

    Vamos abrir a cabeça!! 😉💡

    Boas leituras!


quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Ele Precisava Ir - Felipe Melo

       Ele precisava ir...

       Para onde?

       Para algum lugar que aquietasse o contínuo desconforto que sentia. 
       Para fora dos limites geográficos em que vivia, conhecendo novos lugares e pessoas, tentando se adaptar ao mundo ou tentando que o mundo o entendesse e se dispusesse a ouvir o que tinha a dizer.
       Para dentro de si mesmo e encontrar talvez lá a compreensão desejada de quem realmente era.
       Ele precisava ir em busca do que acreditava, compreendendo o mundo como ele é sem que essencialmente precise ser parte de tudo isto.

       Um livro curioso, bem curtinho que li de uma vez, em apenas um dia. Meio louco à primeira vista(são muitas metáforas), mas que me prendeu e me fez pensar para desvendar tantos símbolos criados pelo autor, para nos conduzir pelo seu modo de ver a vida.

       Recomendo a vocês este livro interessante, que foi estreia do autor, esperando que ele se aventure novamente pelo mundo literário, pois podem surgir boas surpresas!

       Boas leituras!!